Eu amo-te. Tu amas-me. Tu amas o Otto. Eu amo o Otto. O Otto ama-te. O Otto ama-me.

Este é o melhor resumo que se pode fazer de mais uma peça que subiu ao palco do Teatro da Comuna, uma comédia sobre relações complexas, escrita por Noël Coward.

Os cartazes, folhas de sala e convites foram criados por nós.